Promotores suecos pedem a revogação da investigação preliminar de violação do arguido Julian Assange

EUROPA

06:10 19.05.2017(atualizado 06:29 19.05.2017) URL curta
13810

Os promotores suecos anunciaram nesta sexta (19) pediram ao tribunal que revogue o mandado de prisão emitido contra Julian Assange, o fundador da WikiLeaks.

Assange por sua vez comemorou a notícia com um tweet.

“A promotora-chefe Marianne Ny decidiu hoje suspender a investigação sobre as suspeitas de violação incriminadas a Julian Assange”, comunicou o gabinete do promotor no seu comunicado.

BREAKING: Sweden has dropped its case against Julian Assange and will revoke its arrest warrant

Background: https://twitter.com/wikileaks/status/865480098257879040 

Assange está residindo desde 2012 na embaixada do Equador em Londres por medo de ser extraditado para a Suécia e depois para os EUA. Nos EUA o fundador da WikiLeaks pode enfrentar acusações de espionagem por ter publicado numerosos documentos secretos.

O fim da investigação das autoridades suecas não significa que Assange pode ficar descansado. Em abril de 2017 a mídia comunicou que as autoridades norte-americanas estavam prontas para processar Assange.

Twitter

Siga Sputnik Brasil no Twitter e fique por dentro das notícias mundiais do momento.